Mesmo com o descaso das autoridades e a falta de investimento público, o Salão Nacional Victor Meirelles chega à sua 11ª edição a partir deste sábado (1) graças à articulação do Coletivo Nacasa, que criou de maneira independente um edital para possibilitar a realização do evento.

Congelado desde 2008, ano de sua ultima edição, o salão é um importante acontecimento para o desenvolvimento da cena artística local e nacional. Nas palavras da organização, “Sem a realização do salão por quase uma década, autoridades, estudantes, artistas, professores e o público em geral, perdem referência direta sobre a produção da arte contemporânea a nível nacional, enfatizando ainda mais a condição de ostracismo que Santa Catarina apresenta em relação ao sistema das artes”.

Até o momento já são 230 artistas confirmados e cerca de 400 trabalhos. A mostra será inaugurada neste sábado (1), às 19h e será complementada ao logo do mês com trabalhos que estão ainda em trânsito e não chegaram ao Nacasa.

Mais informações: xisnvm@gmail.com

sab1abr - 30 XI edição do Salão Nacional Victor MeirellesNaCasa Coletivo ArtísticoValor: Grátis

Escreva e participe

Fique tranquilo, seus dados nunca serão divulgados